• Marcello Veríssimo

    O domingo foi de festa sebastianense no mar de Niterói. O velejador de São Sebastião, Ubiratan Mattos, sob as bênçãos do pirata Thomas Cavendish, e com seu companheiro de barco Antonio Moreira conquistou o título de vice-campeão brasileiro 2022 da Classe Star.

    O campeonato começou na última sexta-feira (19) e terminou neste domingo (21) no Clube Naval Charitas, que pela primeira vez recebeu uma competição da Star. Bira Mattos falou com a reportagem do JDL, enquanto estava no trânsito, indo comemorar a vitória. Ele disse que a competição reuniu as melhores duplas em atividade atualmente. “Uma competição de alto nível e para nós foi um evento treino, preparatório para o Mundial”, disse o velejador.

    O evento reuniu 15 duplas durante os três dias de competição. O título atual estava nas mãos do medalhista olímpico Lars Grael, que é dono de nada menos do que 10 títulos brasileiros da classe. Mas, em 2022, os paulistas André Diomelli e Marco Lagoa (CNI | YCSA) quebraram a hegemonia de Lars e saíram campeões, seguidos de Bira e Antônio Moreira. “Quero agradecer meus apoiadores: a Clínica Massucato, de São Sebastião, que cuida da minha saúde, a Confederação Brasileira de Vela, o Alambique Dona Filó, a Marinha do Brasil e só Tentar Praia Clube com o professor Ricardo Cadão”.

    O campeonato brasileiro da Classe Star só confirma a ascensão de Ubiratan Mattos como um dos melhores velejadores do mundo. Após as regatas finais deste domingo (21), André e Marco somaram 15 pontos perdidos e superaram por apenas dois pontos Antônio Moreira e Ubiratan Mattos (CNC/MB). A medalha de bronze ficou com Dino Pascolato e Henry Boening (ICRJ).

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.