• A Prefeitura de São Sebastião, por meio da Secretaria de Saúde (SESAU) e da Fundação de Saúde Pública (FSPSS), informa que, de janeiro a julho de 2022, foram registradas 37.946 faltas a consultas com enfermeiros e médicos e 6.233 faltas a exames agendados na rede pública de Saúde, totalizando 44.179 ausências.

    Nesse período, a Central de Regulação, divisão do Departamento de Planejamento da SESAU, agendou 15.173 primeiras consultas com especialistas, das quais 4.003 foram perdidas pelo não comparecimento dos agendados, o que representa mais de um quarto do total (26,38%). Da mesma forma, dos 23.856 exames de alta complexidade agendados, 6.233 (26,12%) deixaram de acontecer devido às faltas da população.

    Na Atenção Básica, que compreende as consultas agendadas com médicos e enfermeiros das Unidades de Saúde da Família (USFs), de janeiro a julho foram registradas 8.348 faltas a consultas com médicos (23,43%), e 4.515 faltas a atendimentos com enfermeiros (27,65%), totalizando 12.863 ausências. Já as Unidades de Atenção Especializada do município contabilizam 21.080 atendimentos perdidos, na maior parte, consultas de retorno com médicos especialistas.

    Para reduzir o absenteísmo, a Central de Regulação implantou, em dezembro de 2021, o sistema de Call Center. O serviço ainda não consegue abranger todos os atendimentos marcados, mas realiza ligações para a maior parte dos pacientes agendados avisando sobre a consulta ou o exame.

    Caso o paciente informe que não poderá comparecer na data e horário agendado, os servidores da Regulação já disponibilizam a vaga para outra pessoa que aguarda o mesmo exame/consulta e orientam o paciente sobre como reagendar o procedimento, otimizando assim a oferta de vagas à população.

    A Atenção Básica implantou, nas 24 USFs, o Painel de Produtividade e Absenteísmo, informando quantas consultas são perdidas devido às faltas a cada mês, com o objetivo de conscientizar a população e reduzir o absenteísmo. Também realizam ligações aos pacientes confirmando a presença nos atendimentos e fazem divulgações constantes em mídias e redes sociais alertando para o problema do absenteísmo.

    A SESAU orienta os sebastianenses a avisar quando não puderem ir a uma consulta ou exame agendado, no mínimo com 72 horas de antecedência, para que a equipe de Saúde consiga encaixar outro paciente no lugar. Dessa forma, não prejudicará quem está precisando e aguardando vaga para consultas ou exames e reduzirá o absenteísmo.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.