• Marcello Veríssimo

    Paz. O maior presente que o ser humano pode ganhar, procurada por todos, mas que muitos não conseguem encontrar durante toda uma vida. Independentemente de classe social, status ou quanto você tem na conta bancária, a paz é um estado de espírito.

    E é sob este prisma que a partir de hoje (19) até o próximo dia 25 que será realizada a “Virada Zen 2022”, evento gratuito com base em São Paulo, mas que também conta com uma programação especial de diversas atividades online. O objetivo é oferecer ao público a oportunidade de vivenciar experiências que promovem o desenvolvimento humano.

    A Virada Zen é um movimento que conecta pessoas e organizações a atividades e conteúdos relacionados ao bem-estar integral, autoconhecimento e à cultura de paz.

    A idealizadora da Virada Zen, Mariana Amaral, disse que a rede de solidariedade teve grande importância durante a pandemia. “A saúde mental, física e emocional de faz ainda mais necessária nesse cenário em que convivemos com o aumento dos índices de depressão, ansiedade e suicídios”. “Se quisermos mudar o rumo de uma sociedade cada vez mais exposta a violência e ao conflito, temos que unir propósito e ação”, disse ela.

    Mariana também disse que, neste ano, a Virada Zen acontece uma semana antes das eleições para tentar passar uma nova mensagem aos rumos que a sociedade brasileira vem seguindo junto à política. “Marcamos propositalmente a Virada Zen uma semana antes das eleições, para promover o espírito de paz e integração para a população”.

    Um dos destaques da programação é o evento “Amanhã da Paz”, que pretende reunir milhares de pessoas ao redor do planeta conectadas ao mesmo propósito: a paz. No dia 21 de setembro, em que se comemora o Dia Internacional da Paz, a Virada Zen promove em parceria com aproximadamente 200 lideranças uma meditação global online cujo objetivo é ressoar a paz no planeta.

    A reportagem do JDL conversou com a monja Tati Isler, que se divide entre São Paulo e Ubatuba, mas que no momento da entrevista estava em Londres, na Inglaterra, para saber como será sua participação no evento. Ela vai coordenar a meditação em seu perfil no Instagram. “Encontrar esse espaço de paz que está sempre aqui [dentro de nós] é importante em qualquer momento do mundo. Mas quando o caos é interno, é intenso, vira uma necessidade de sobrevivência”, disse Isler. “E a grande pandemia deste momento é a pandemia do sofrimento. Essa paz a que me refiro não está fora, está dentro”.

    Para saber mais acesse o site viradazen.com.br ou os perfis no Instagram @viradazen e @tatiisler

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.