• Marcello Veríssimo

    É do Brasil, é de São Sebastião e é de Niterói! Os velejadores Ubiratan Mattos e André Moreira conquistaram o título da categoria Under 30 (Junior), no Mundial da Classe Star, que terminou neste sábado (17), em Marblehead, Massachusetts, nos Estados Unidos.

    A dupla brasileira terminou a competição com 133 pontos, superando os alemães Daniel Fritz e Alberto Ambrosini na sexta regata do dia, tirando os seis pontos dos adversários, que terminaram com 142, mas Bira e Moreira, que vinham em segundo durante todo o campeonato, ainda conseguiram colocar mais nove pontos em cima do barco alemão. “Colocamos 9 pontos que fizeram toda a diferença”, comemorou Ubiratan Mattos, que conversou com a reportagem do JDL, na noite de sábado, logo após a premiação, realizada no jantar de gala da classe em que todos os velejadores foram homenageados.

    Os italianos Diego Negri e Sérgio Lamberten foram os campeões no geral. O velejador Pedro Trouxe foi o brasileiro melhor colocado no geral terminando em quinto lugar junto com Jack Jennings.

    Outros destaques brasileiros nesta edição do campeonato foram os brasileiros Bruno Prada, recordista com cinco títulos mundiais e Samuel Gonçalves com um título.

    Pelas regras da ISAF (Federação Internacional de Iatismo), que é o órgão máximo de regulamentação do iatismo no mundo, basicamente, o objetivo principal dos velejadores em uma competição é acumular o menor número possível de pontos na somatória do conjunto de regatas. Ou seja, quanto melhor for a colocação do atleta em cada regata, menos pontos ele acumula e melhor será a colocação final.

    Foi justamente o que aconteceu com Bira e Antônio Moreira neste final de semana durante a decisão do Mundial da Classe Star. “Gratidão aos meus patrocinadores clínica Massucato, de São Sebastião, a Confederação Brasileira de Vela, a Marinha do Brasil, ao Tebar Praia Clube com o professor Ricardo Cadão e ao Alambique Dona Filó, e ao Cavendish Rum”, disse Bira, que agora soma mais um título a sua bem sucedida carreira na classe Star. “Já tenho um título Master e agora esse na Junior”.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.