• Marcello Veríssimo

    As áreas de instabilidade que ganharam força durante essa semana com a passagem de uma frente fria pela Região Sudeste começam a se dissipar a partir deste domingo (2). Ainda deve chover entre a madrugada e a manhã deste sábado (1º) na Região Metropolitana de São Paulo, no litoral e no interior do estado, dizem os meteorologistas, que alertam ainda que o fim de semana deve ser de temperaturas amenas em praticamente todo o estado de São Paulo.

    A tendência é que a chuva diminua a partir do dia 2 de outubro, mas o mês começa com temperaturas baixas e deve ter a entrada de várias frentes frias, que na retaguarda possuem massas de ar frio avançando pelo estado, principalmente no leste e no sul paulista. De forma geral, na análise dos meteorologistas, outubro ainda será um mês úmido, com períodos do dia mais nublado e uma chuva fraca que vai e vem.

    O meteorologista do Climatempo, Vinicius Lucyrio, explica que durante o mês de outubro já começa a despontar uma condição de calor mais intenso, que é comum. “O frio, de fato, vai diminuir dando lugar a uma condição de tempo mais abafado, mas, principalmente no interior, seja menos frequente”, ele disse.

    A persistência de dias nublados, aliás, acontece devido a passagem das frentes frias pela faixa litorânea, estas regiões juntamente com a Grande São Paulo e o Vale do Paraíba ficam com temperaturas mais amenas, e alguns dias de tempo abafado só que de forma mais pontual, ou seja, os dias de calor mais intensos devem ser sentidos principalmente na segunda quinzena do mês. De acordo com a previsão do tempo, a variação entre as condições do tempo continua ao longo de toda a primavera, mas agora sem o frio intenso.

    Hoje (30) ainda existem 83% de chance de chover na região. As temperaturas variam entre 17°C de mínima e 21ºC de temperatura máxima. Para este sábado (1º) a temperatura máxima pode chegar aos 25ºC, a mínima não deve passar dos 17ºC.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.