• Marcello Veríssimo

    A raiz da origem do nosso povo. Com o objetivo de incentivar o debate e reflexão sobre a importância da raça e cultura africana, assim como o impacto que tiveram no desenvolvimento da identidade da cultura brasileira, começa nesta sexta-feira (18) a XV Semana da Consciência Negra – “Festa de uma raça”, em Ilhabela.

    O evento, tradicional no calendário da ilha, acontece para celebrar o Dia da Consciência Negra, que é comemorado no próximo dia 20 em todo o país. A data é uma homenagem a Zumbi dos Palmares, um dos principais representantes da resistência à escravidão, conhecido como líder do Quilombo dos Palmares.

    A Semana da Consciência Negra integra o calendário anual de eventos e é promovida pela Secretaria de Cultura e Fundaci – Fundação Arte e Cultura de Ilhabela.

    A programação será dividida em duas e conta com shows musicais, missa, feira, oficinas, desfile de moda e rodas de conversas.

    As chamadas “afroações” acontecem no
    Parque Fazenda Engenho D’Água e têm início com a abertura oficial, às 11h desta sexta-feira.

    Já as atrações musicais serão realizadas no Centro Cultural da Vila, sempre a partir das 20h. Um dos destaques é o show do cantor Toni Garrido, que ex-vocalista da banda Cidade Negra, que fez muito sucesso na década de 90 e início dos anos 2000.

    Em carreira solo, Garrido é ícone de uma geração e um dos astros do showbiz brasileiro mais engajados na luta contra o racismo. Ele se apresenta no Centro Cultural da Vila, no domingo (20), a partir das 21h.

    Confira a programação:

    De 18 a 20 de novembro

    Centro Cultural da Vila

     

    Sexta – 18/nov

    19h – Roda de Samba do Gustavo Maciel

    21h – Negritude Jr.

     

    Sábado – 19/nov

    18h – Missa Inculturada Afro

    19h – Don Dito

    21h – Batuque da Nega

     

    Domingo – 20/nov

    19h – Helinho do Pagode

    21h – Toni Garrido

    De 18 a 20 de novembro

    Parque Fazenda Engenho D’Água

     

    Sexta – 18/nov

    11h – Abertura oficial – Projeto das Pretas

    11h às 18h – Feira Afro

    14h – Oficina de trança Box Braids

    16h – Roda de conversa (Saúde do Negro)

     

    Sábado – 19/nov

    11h às 18h – Feira Afro

    12h – Oficina de Automassagem

    14h – Oficina de artesanato com reciclagem

    15h – Roda de conversa (Negro na Ilha e sua dificuldade)

    16h – Desfile Afro – Valorização e empoderamento negro

    Domingo – 20/nov

    11h às 18h – Feira Afro

    13h – Oficina de turbante

    14h – Oficina de pintura em pano com giz de cera

    15h – Roda de conversa (A cultura afro em Ilhabela)

    16h – Roda de capoeira (Mestre Adriano)

    17h30 – Encerramento e homenagem a personalidades negras da Ilha

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.