• A ação “Vergonha é não se prevenir”, realizada pela Prefeitura de São Sebastião, por meio da Secretaria da Saúde (SESAU) e da Fundação de Saúde Pública (FSPSS), na última sexta-feira (18), na Praça do Coreto, no Centro Histórico, contou com a adesão de 100 homens. O evento, ligado à campanha Novembro Azul, contou com a participação de alunos da Faculdade São Sebastião (FASS) e da Escola Técnica de Saúde (ETS).

    Entre os resultados da ação, estão a realização de 95 testes rápidos para detecção de HIV, Sífilis e Hepatite C; 95 exames de glicemia capilar; e 70 coletas de Antígeno Prostático Específico (PSA) em homens acima de 40 anos, exame usado principalmente para rastreamento do câncer de próstata.

    Os problemas detectados pelos testes e exames foram tratados no local, quando possível, ou encaminhados à Unidade de Saúde da Família (USF) mais próxima à residência do paciente para acompanhamento.

    Também foram oferecidas orientações gerais sobre saúde e cerca de 20 homens receberam uma sessão de auricularoterapia, terapia alternativa derivada da acupuntura que pressiona pontos específicos da orelha para tratar e diagnosticar problemas físicos e emocionais.

    A ação “Vergonha é não se prevenir” teve como objetivos conscientizar os homens de que atitudes preventivas elevam o nível de saúde física e emocional; divulgar as doenças mais comuns e formas de prevenção; estimular os homens a adotarem atitudes como realização de exames preventivos e consultas médicas regulares, especialmente após os 40 anos, ou aos 30 anos, em caso de fatores hereditários.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.