Marcello Veríssimo

A Polícia Civil, em Taubaté, prendeu dois homens nesta terça-feira (6) que são suspeitos dos homicídios em Ubatuba que aconteceram durante o duelo de facções criminosas pelo controle das bocas de fumo da cidade no mês passado. De acordo com a polícia, os criminosos foram capturados durante a Operação Del Mare, deflagrada com o objetivo de desarticular a atividade de uma organização criminosa que atuava pelo Vale do Paraíba e Litoral Norte.

A investigação descobriu que a organização ficava sediada em Taubaté e tinha ramificações em outras cidades como Ubatuba, Pindamonhangaba e Caçapava. A polícia informou que a operação foi coordenada pelo DEIC (Departamento Estadual de Investigações Criminais) de Taubaté e pela Delegacia de Ubatuba.

Os homens foram detidos no bairro Parque Aeroporto, sem resistir à abordagem da Polícia Civil. Apesar da pouca idade, 18 e 21 anos, a dupla já possui uma extensa ficha criminal com passagens anteriores por tráfico de entorpecentes, homicídio e porte ilegal de arma.

De acordo com a Polícia Civil, os criminosos seriam os responsáveis por assassinatos e por assombrar a região para manter as atividades da organização criminosa.

Era dia 13 de novembro quando a dupla de criminosos alugou uma casa na região central de Ubatuba com o objetivo de matar outro traficante que seria de Pindamonhangaba, mas que estava no litoral.

O traficante rival foi assassinado com tiros de pistola. Depois de cometer o crime, a dupla retornou para a casa alugada, trocou de roupa e fugiu rumo ignorado. A polícia descobriu que, desde então, os homens estavam escondidos em Taubaté.

Com a prisão da dupla, as investigações da polícia agora buscam saber se existe ligação entre outros assassinatos e tentativas de homicídio que aconteceram na cidade com o objetivo do crime organizado de expandir suas atividades no litoral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *