Marcello Veríssimo

O Instituto Argonauta no Litoral Norte divulgou nesta quarta-feira (21) que participou de um treinamento para
aperfeiçoar continuamente as técnicas para desemalhe de baleias. Realizado no mês passado, os especialistas do Argonauta participaram do evento a convite do Centro de Mamíferos Aquáticos do ICMBio.

O treinamento foi realizado no Laboratório Hiebert (Hiebert Lab) do Centro de Estudos Costeiros (Center for Coastal Studies – CCS) em Provincetown, no estado americano de Massachusetts.

De acordo com o Argonauta, o treinamento foi dividido entre teoria e prática, a bordo da embarcação Ibis da equipe do CCS.

E no mar os especialistas do litoral norte puderam ver de perto a simulação das técnicas e dos protocolos de segurança desenvolvidos para o desemalhe de baleias com a equipe MAER, que é reconhecida como líder mundial no resgate de baleias.

A formação foi viabilizada por meio da Rede Global de Resposta ao Emaranhamento de Baleias (Whale Entanglement Response Network – GWERN), uma parceria entre o CCS e a Comissão Internacional das Baleias CIB (The International Whaling Commission – IWC).

De acordo com o Argonauta, o programa para capacitar os para a atividade de desemalhe, é realizado pela indicação de representantes governamentais das instituições participantes que integram a Rede Global de Resposta ao Emaranhamento de Baleias.

No Brasil, a indicação e avaliação da proposta é feita pelo Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos Aquáticos (CMA)/ instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA), sendo aprovada pelo Ministério das Relações Exteriores (MRE).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *