Marcello Veríssimo

O aparecimento de uma nuvem iridescente chamou atenção de quem olhou para o céu no Litoral Norte na manhã deste sábado (14). Trata-se de um fenômeno meteorológico, que foi registrado por volta das 10h.

O fenômeno repercutiu na imprensa e nas redes sociais sendo chamado de “cena intrigante”, “manifestação divina”, entre outras teorias da conspiração que repercutiram nos comentários.

Mas a ciência explica. O pesquisador do Cemaden (Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais), Pedro Carminha, disse que a nuvem recebe este nome e pode ser notada quando há decomposição da luz solar nas sete cores do arco-íris.

Carminha disse que a nuvem iridescente acontece quando a luz do sol incide em cristais de gelo da nuvem. “O processo é semelhante ao do arco-íris, mas nesse caso não são partículas de água líquida, e sim cristais de gelo”, disse o pesquisador.

De acordo com Pedro Carminha, esse fenômeno óptico costuma depender de ângulos específicos de observação do Sol para acontecer e sua presença não significa sinal de chuva.

No Litoral Norte, a nuvem iridescente foi notada em Ilhabela. O médico, Flávio Freitas, registrou o fenômeno e postou nas redes sociais. “Vi todo mundo olhando para cima, e decidi olhar também. Achei muito esquisito. Nunca tinha visto isso. Decidi tirar uma foto e postar nas redes sociais. Super diferente”, disse o médico aos jornalistas.

By srneto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *