Marcello Veríssimo

Rodeadas de mistério e crendice popular, as cachoeiras, assim como as praias são um dos lugares mais procurados no Litoral Norte durante as festas de fim de ano, mas especialmente no Réveillon. É que o banho de cachoeira age como uma limpeza profunda de todas aquelas energias de pessoas ou situações ruins que ficaram impregnadas no seu corpo ao longo do ano. “É como dar um reset para começar de novo”, explica o treinador de vida, Giobert Gonçalves, que mora em São Sebastião e é um admirador e frequentador de cachoeiras. “Mergulhe nessas águas e se deixe limpar”, ele orienta.

O treinador de vida acompanhou a reportagem em sua visita à cachoeira no bairro Reserva do Moulin, na região central de São Sebastião, na tarde deste sábado (23). De fácil acesso, a cachoeira possui em torno de 20 metros de queda. “Em volta da cachoeira existe um ecossistema próprio, um micro mundo. Ao tomar um banho de cachoeira você entra em contato com todos esses elementos”, explica Giobert. “A circulação permanente da água traz renovação, revitalização”, completa.

Para chegar lá é preciso percorrer uma trilha de acesso que possui aproximadamente 2km de extensão e a entrada para a trilha fica localizada no bairro da reserva, que é próximo do bairro Arrastão.

De acordo com Gonçalves, o banho de cachoeira tem a função de renovar, limpar, deixar ir tudo o que já não serve mais. “No Réveillon é uma forma de abrir espaço para o novo chegar”.

De acordo com o Circuito Litoral Norte, consórcio Intermunicipal Turístico, que integra as cidades de Bertioga, Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba, é necessário agendamento prévio para acesso, sendo um atrativo não aberto ao público.

Para saber mais acesse o site www.circuitolitoralnorte.tur.br.

By srneto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *