A Prefeitura de Ilhabela dá início nesta quarta-feira (27), ao sistema de estacionamento rotativo “Zona Verde e Azul”, na Vila, Centro Histórico da cidade, sempre das 15h às 23h59. A medida será válida até o dia 18 de fevereiro de 2024 e visa dar mais fluidez na mobilidade urbana e garantir a rotatividade de estacionamento no Centro, o que beneficia o comércio local.

O período máximo de estacionamento contínuo para uma mesma vaga será de quatro horas, nos locais identificados por placas. O valor é de R$ 3 por hora de utilização e o cartão pode ser comprado nos estabelecimentos comerciais credenciados da Vila (Centro Histórico). É permitido estacionar sem o talão pelo prazo máximo de quinze minutos. Nas compras a partir de cinco talões será oferecido um desconto no valor de 15%.

Veículos oficiais e de concessionárias de serviço público são desobrigados do pagamento. Também não precisam do talão os veículos de emergência e os veículos de duas rodas, desde que estacionados nos locais a eles destinados.    

A lei não incidirá sobre o estacionamento em vagas delimitadas pelo órgão de trânsito municipal, destinadas a idosos, portadores de necessidades especiais e às de farmácias, drogarias, hospitais, prontos-socorros e similares.

Estarão sujeitos a sanções do Código de Trânsito Brasileiro aqueles que mantiverem o veículo estacionado sem portar o cartão de estacionamento; com o cartão preenchido de forma incorreta, a lápis ou rasurado; e além do tempo permitido. O mesmo vale para os caminhões, carretas e barcos estacionados nas vias públicas, exceto veículos de mercadorias e outros bens, durante operação de carga e descarga. A fiscalização será feita por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade e Segurança, pelo Departamento de Trânsito.

Outras medidas

Além do estacionamento rotativo, a Prefeitura de Ilhabela adotou outras medidas para melhorar a mobilidade e fluidez do trafego nas principais vidas da cidade durante a temporada 2023/2024, como os novos Agentes de Apoio ao Trânsito, que estão diariamente, das 8h às 20h, nas faixas elevadas de travessia de pedestres em frente ao Supermercado do Frade, Quiosque Pelicano e no Restaurante do Cura para auxiliar o trânsito onde o fluxo de veículos e pedestres é maior.

Outra ação adotada pela Prefeitura é o bloqueio do estacionamento público no trecho que corresponde da Ponte do Perequê (Rio Telma) até o Morro da Cruz, no bairro do Perequê.

Segue em vigor na cidade também o decreto 9.178, que dispõe sobre a entrada, saída e circulação de caminhões durante os finais de semana e feriados. Fica proibida a entrada de caminhões na cidade às sextas (das 16h às 23h59), sábados (das 8h às 16h) e aos domingos (das 8h às 14h). Fica proibida a saída de caminhões da cidade aos sábados (das 16h às 23h59) e domingos (das 10h às 23h59).

By srneto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *