Marcello Veríssimo

O prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci(PL), voltou a desafiar a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico de São Paulo) nesta terça-feira (6) durante sua participação em um programa de rádio. Colucci disse que a companhia paulista continua falhando com Ilhabela e voltou a prospectar sua intenção de municipalizar os serviços de água e esgoto, atualmente sob responsabilidade da Sabesp.

O prefeito disse que nos últimos 12 anos mais da metade dos serviços de saneamento básico foi feito pela prefeitura e não pela Sabesp. “A Sabesp continua falhando com Ilhabela. Não temos represa, não temos lago, a Sabesp deveria ter grandes reservatórios na ilha. O reservatório que temos, de 2 milhões de litros na Água Branca, foi feito na década de 80, há 40 anos. A Sabesp não realiza obras de reservação de água há 40 anos”, disse o prefeito, acrescentando que está insatisfeito com o trabalho da empresa. “Já falei isso para o governador Tarcísio de Freitas e para a secretária Natália Resende, da SEMIL (Secretaria de Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística)”.

Contrato

Para o prefeito de Ilhabela, se o serviço continuar como está, pode rever o contrato que foi assinado entre a prefeitura e a Sabesp no mês de junho de 2020.

O certame foi celebrado entre a ex-prefeita Gracinha e Sabesp, na ordem de R$ 193 milhões para a melhoria na execução dos serviços de saneamento básico.

O prefeito disse que, no entanto, as obras não andam e a população segue prejudicada.

“Tenho que defender os interesses da população. A cidade sem água, a população sofrendo com isso, os turistas também…A cidade cada vez mais cheia e cada vez mais com menos água na torneira”.

By srneto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *