Marcello Veríssimo

A Polícia Ambiental, em Ilhabela, flagrou a ação de pescadores ilegais na baía da praia de Pacuíba. O flagrante foi registrado na tarde desta terça-feira (6) pela 5ª Companhia de Polícia Militar Ambiental Marítima do 3º BPAmb (Batalhão de Polícia Ambiental).

A embarcação estava com seis tripulantes e foi abordada durante o patrulhamento preventivo marítimo. De acordo com a polícia, trata-se de um barco na categoria esporte/recreio, que estava em plena atividade de pesca esportiva com uso de varas com molinetes.

A polícia informou que durante a fiscalização, os pescadores apresentaram documentos pertinentes à pesca, assim como da embarcação. Mas dentro do barco, os policiais localizaram sete quilos de peixe, entre pargos e um exemplar
de Cherne Poveiro, com 04 kilos, que está na lista de animais ameaçados de extinção.

O Pargo, segundo a polícia, está no período de proteção dentro do defeso conforme a legislação pesqueira vigente. Os policiais apreenderam a embarcação e os materiais utilizados para a pesca.

Os pescadores foram multados em pouco mais de R$12, 4 mil. O grupo terá de comparecer à sede da SEMIL (Secretaria de Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística) do estado para prestar esclarecimentos e ainda podem ser solicitados pela autoridade de Polícia Judiciária da região.

Todo pescado apreendido foi doado. Denúncias para a Polícia Ambiental podem ser feitas pelo telefone (12) 3842-0123.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *