Marcello Veríssimo

Após os incêndios durante o Carnaval na área conhecida como “Lixão do Barranco” a Prefeitura de Caraguatatuba anunciou que a empresa Resitec Serviços Industriais é a nova responsável pela ATT Barranco Alto, no bairro de mesmo nome que fica na região Sul do município.

O custo dos serviços é de R$ 13.939.200,00, mas o endereço de operações da empresa na cidade não foi divulgado.

A prefeitura disse aos jornalistas que o local ainda será apresentado pela empresa vencedora da licitação e também vai receber os resíduos da limpeza urbana que são gerados diariamente na cidade.

Sem explicar detalhes da operação, a prefeitura disse que até que seja dada a ordem para o início da operação prevista no edital o lixo da limpeza urbana será “armazenado provisoriamente em áreas do município”.

A prefeitura informou que o problema para os moradores nos arredores do “lixão” deve ser finalmente resolvido. Sem muitos esclarecimentos, disse apenas que optou pela aglutinação dos serviços com o manejo dos resíduos, como a triagem, segregação e a destinação dos resíduos de limpeza urbana, e da construção civil em um local devidamente licenciado pela Cetesb, que também deve receber os resíduos verdes e volumosos.

A área deve ser no bairro do Jardim Porto Novo, que deve ser desmobilizada em um prazo de até dois anos. A reportagem do JDL conversou com moradores do bairro nesta sexta-feira (16) que estão desmotivados e dizem que não acreditam mais nas informações divulgadas pela atual prefeitura sobre o “lixão”.

Com medo, ninguém quis dar entrevista, mas disseram que depois de muitas tentativas agora só acreditam vendo.

A área é imensa e tem aproximadamente 30 mil metros quadrados. Estimativas apontam que o lixão abriga em torno de 120 mil metros cúbicos de resíduos compactados, provenientes das atividades de limpeza urbana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *