Marcello Veríssimo

Uma briga familiar que começou na cidade de Montes Claros, em Minas Gerais, terminou em Ubatuba com a prisão de um homem na última sexta-feira (1).

O caso foi revelado na nesta terça-feira (5).
De acordo com a polícia, o desfecho bem sucedido foi resultado de uma ação conjunta entre as polícias dos dois estados. O homem, 33, é acusado de descumprir uma medida protetiva e ter raptado o próprio filho de um ano e seis meses e fugir para o litoral.

A delegada titular da Delegacia Especializada de Atendimento a Mulher, Karine Maia, disse aos jornalistas que o trabalho de inteligência das polícias permitiu o resgate da criança que estava a mais de mil quilômetros longe da mãe.

O caso foi denunciado no dia 22 de janeiro deste ano depois que o pai da criança descumpriu medidas protetivas do ano passado, em Belo Horizonte, capital mineira, que o impediam de se aproximar da mãe e do filho do casal.

De acordo com a mãe da criança ela teve um relacionamento conturbado com o suspeito quando eles moravam em Belo Horizonte e era agredida física e verbalmente por ele, inclusive enquanto esteve grávida.

Na época, para buscar segurança ela se mudou para Montes Claros.

Mas o ex-companheiro a seguiu e levou o filho do casal impedindo a mãe de manter contato com o filho do casal, além de iniciar a série de ameaças usando a criança para tentar reatar o relacionamento. “Durante a investigação, a equipe localizou o suspeito em Ubatuba, que fica distante a mais de mil quilômetros de Montes Claros”, disse a delegada, que pediu a prisão do homem.

O homem foi preso na casa de parentes em Ubatuba por equipes de policiais civis. Ele permanece à disposição da justiça.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *