Marcello Veríssimo

As últimas horas de quinta e madrugada desta sexta-feira (22) foram de apreensão para moradores e turistas que estão no Litoral Norte. Por volta das 22h, a tormenta que estava prevista chegou à região trazendo chuvas e rajadas de vento de até 100 km/h causando transtornos nos quatro municípios.

Mas, diferente do que foi anunciado, essa chuva passou de forma rápida, mas nem por isso menos intensa. Após a chegada da tempestade, que durou cerca de 10 minutos com a ventania, a chuva continuou até por volta das 2h.

Em São Sebastião e Ilhabela motoristas ficaram presos na travessia de balsa entre os dois municípios. Era 21h, quando o DH (Departamento Hidroviário), que opera a travessia e é vinculado a Semil (Secretaria de Meio Ambiente Infraestrutura e Logística) informou a paralisação do serviço.

Por volta da meia noite o serviço voltou a funcionar com tempo de espera de até 150 minutos.

Em São Sebastião, uma das regiões atingidas pelo vento foi a Rua da Praia, no centro, onde a ventania levou a estrutura do Complexo Turístico da Rua da Praia.

Na costa sul da cidade, os fortes ventos também assustaram moradores em diversos bairros. Árvores caíram na rodovia Rio-Santos (SP-55), entre Barra do Sahy e Juquehy.

O prefeito de São Sebastião, Felipe Augusto, postou um vídeo no Instagram para a população estar precavida com as condições do tempo. “Todas as equipes de Defesa Civil estão mobilizadas”.

Caraguatatuba – Em Caraguatatuba, moradores registraram a passagem da tempestade em bairros como Indaiá, no centro, e Capricórnio, na região norte da cidade.

A reportagem do JDL acompanhou por toda a madrugada desta sexta-feira (22) a incidência de ocorrências na região e não há informações sobre feridos até o momento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *