Marcello Veríssimo

Termina no próximo domingo (31) a exposição “Escaneando Me”, que está aberta desde o último dia 24, na Casa Brasileira, região central de São Sebastião. A mostra é da artista plástica, fotógrafa e arte educadora, Luciana Crepaldi.

Na era das redes sociais e da internet, “Escaneando Me” apresenta um ensaio sobre o corpo e sobre a arte visual através da escanografia, ou seja, imagens captadas por um escâner, aquele equipamento usado para digitalizar documentos.

Mesmo que pareça distante o ano de 1998, que as obras foram criadas a exposição é atemporal. A primeira vez que as obras foram expostas foi no ano de 1999 dentro do Rumos Visuais do Itaú Cultural na capital paulista, em Belo Horizonte e Campinas.

E de lá para cá, Luciana, que é natural de Marília, no interior paulista, mas hoje mora em Barcelona, na Espanha, coleciona prêmios e diversas passagens por importantes galerias e centros de fotografia.
“Escadeado Me já passou pelo Museu de Arte Contemporânea de Barcelona, pelas Universidades de Alicante, Cadiz e de Huelva, além da Feira de Arte Contemporânea ARCO, em Madrid, na Palma Photo, em Mallorca, no “Salon du Montrouge”, em Paris, no “The New Contemporary Fair”, em Nova York, na Galeria Internacional, em Baltimore, e no “Art in Love”, na Alemanha.

De acordo com a curadoria da exposição, neste ano, a exposição seguirá de forma itinerante pelo interior do Estado de São Paulo, premiada pelo PROAC Editais/2022, com curadoria da La Musetta.

Serviço:

A exposição “Escaneando Me” está aberta na Casa
Brasileira até o dia 31 de março

Dia e hora: Terça a sábado – das 14h às 21h | Domingo – das 10h às 15h

Local: Av. Dr Altino Arantes, 80, Centro, São Sebastião-SP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *