Marcello Veríssimo

Um dos principais ecossistemas da região continua ameaçado. A Secretaria do Meio Ambiente de São Sebastião divulgou nesta segunda-feira (22) balanço sobre o despejo irregular de esgoto na Baía do Araçá, no Varadouro, região central do município.

De acordo com o balanço, foram 34 notificações e mais de R$ 253 mil em multas.

A prefeitura informou que o trabalho de fiscalização integra uma série de medidas realizadas com o objetivo de garantir o cumprimento das leis ambientais, preservar a saúde pública e proteger a biodiversidade local.

O Araçá integra uma Área de Proteção Ambiental Marinha do Litoral Norte e a Área de Proteção Ambiental Municipal dos Alcatrazes, que abriga um dos últimos remanescentes de manguezal do trecho entre Bertioga e Ubatuba, de acordo com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

O esgoto lançado irregularmente compromete a biodiversidade do manguezal, contamina os recursos hídricos locais, além de colocar em perigo a vida marinha e a segurança alimentar e também aumenta o risco de doenças transmitidas pela água.

Ligação de esgoto

O levantamento da prefeitura mostra que aproximadamente 25% dos imóveis localizados no trecho do Araçá já poderiam estar ligados à rede de esgoto. “Essas ligações, chamadas de factíveis, permitem o direcionamento dos resíduos para o sistema de tratamento, evitando que cheguem e provoquem a poluição do mangue”, disse a prefeitura.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *