Marcello Veríssimo

A oitava etapa do campeonato mundial de surfe, que será em Saquarema, no Rio, entre os dias 22 e 30 deste mês, além dos surfistas campeões, neste ano terá mais um integrante. A etapa brasileira do circuito WSL (World Surf League), é a casa do “Saquá”, o novo mascote, inspirado em uma ave daquela região, está diretamente ligada à disputa no Brasil.

Os mascotes atuam como uma espécie de ‘embaixadores’ do evento e, na maior parte das vezes, representam a cultura e os valores locais. Características que o Saquá, que é inspirado no socó-dorminhoco, uma espécie típica daquela região possui.

Expressivo e estiloso, o mascote da etapa carioca do CT24 vai cumprir seu objetivo de gerar uma conexão emocional com o público, especialmente com as crianças. “Tornando o evento mais acessível e divertido”, disse Ivan Martinho, presidente da WSL na América Latina.

Marketing – O Saquá tira onda e deve se tornar também um campeão do marketing. Por enquanto, apenas chaveiros e camisetas infantis estão disponíveis na loja de produtos oficiais do evento, que será montada na praia de Itaúna e, segundo a WSL, em breve também no site.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *